Jornal do Tempo | Notícias

Reservatórios com volume útil positivo na região Sul

Setembro termina com volume positivo nos reservatórios do Sul

02/10/2018 16:38:00

Por: Paula Nobre

O período de chuva na Região Sul do país teve seu início no mês de setembro. A entrada de vários sistemas frontais provocou chuva intensa na região Sul que em alguns casos, veio acompanhada de rajadas de ventos acima dos 60 km/h, descargas elétricas e até mesmo granizo.

Segundo as estações automáticas do INMET (Instituto Nacional de Meteorologia), em setembro os maiores acumulados ficaram restritos ao estado do Rio Grande do Sul, principalmente na sua metade leste, com valores acima dos 250 mm/mês.

Nas demais áreas da região, onde se localizam as principais bacias hidrográficas do Submercado Sul, os acumulados ficaram abaixo dos 200 mm/mês.

Esses episódios de chuva beneficiaram principalmente a Bacia do Jacuí, que fica localizada no centro leste do estado gaúcho.

Graças aos 264 mm acumulados no mês, a bacia opera hoje com o volume útil de seus principais reservatórios acima dos 90%.

Já as outras bacias da Região, como Uruguai, Iguaçu e Capivari receberam acumulados menores de chuva devido ao deslocamento dessas frentes frias.

Durante o mês de setembro as correntes de jato permaneceram localizadas mais ao sul de sua posição normal na maioria dos dias e, com isso, a medida que os sistemas frontais se deslocavam pelo continente, os mesmo eram “empurrados” para a costa e não conseguiram se deslocar para áreas mais adentro ao continente.

Em consequência, as demais bacias receberam acumulados abaixo dos 180 mm e, esses episódios de chuva ocorreram intercalados com períodos de tempo seco.

O regime de chuva que beneficia a recuperação dos reservatórios é aquele contínuo, com chuva persistente, mesmo que com volumes moderados.

Isso porque, quando a chuva ocorre de maneira insistente, o solo fica encharcado e não consegue mais reter água e, com isso, a água começa a se acumular em um determinado local, e quanto mais chuva cai sobre esse local, maior será seu volume.

Quando o solo está muito seco, a água que cai sobre o mesmo é rapidamente absorvida e não ocorre o processo de retenção. O intervalo de tempo seco e tempo chuvoso contribui para o secamento do solo.

Volume de água disponível no solo

Para início do mês de outubro praticamente todas as bacias do Subsistema Sul registram um índice acima de 90% para a variável de água disponível no solo.

A exceção fica apenas para o norte do Paraná, onde fica localizada a bacia do Paranapanema e o regime de chuva se comporta de maneira diferente as demais áreas da Região Sul.

Previsão de chuva para Outubro

Quanto ao mês de outubro, a previsão de chuva é otimista para os reservatórios do Subsistema Sul, já que durante essa semana houve o rompimento de um bloqueio atmosférico no Oceano Pacífico Sul e, a partir de agora as frentes frias irão conseguir se deslocar para áreas mais ao norte do Centro-Sul do país, atingindo principalmente as bacias do Uruguai e Iguaçu. Esses episódios de chuva devem ocorrer de forma homogênea, volumosa e persistente.

Últimas notícias

Buscar notícias