Jornal do Tempo | Notícias

Reservatórios de SP apresentam condições favoráveis para o período seco

Chuva faz com que os reservatórios que abastecem a grande São Paulo terminem o outono com níveis acima dos 60%

16/06/2017 16:15:00

Por: Monique Gentil

A chuva que atingiu os reservatórios da grande São Paulo nos últimos meses, garantiram o abastecimento deste inverno, e os reservatórios começam o período seco com níveis favoráveis. De acordo com os dados da Sabesp (Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo) o Cantareira, que opera agora com 68% de sua capacidade, recebeu até esta sexta-feira (16), 51,8mm, cerca de 85% da média de junho que é de 61mm.

Os demais reservatórios não ficam atrás. O Sistema Alto Tietê, onde a chuva já superou a média de 57mm, encerra a semana com 59,4% de sua capacidade, enquanto o Guarapiranga, que opera com 86,6% de sua capacidade, recebeu 60% a mais que o esperado para o mês. Foram 86,2mm, ante a média de 53,8mm.

No Sistema Rio Grande, cujo nível está em 91%, a chuva superou em 54% a média do mês que é de 59mm, com 91,4mm. Já os Sistemas Alto Cotia e Rio Claro, estão com os mananciais completamente cheios e operam com 100% de sua capacidade.

A previsão da Somar Meteorologia é de que a chuva ainda volte a atingir o Sudeste antes do fim do outono, que se despede na terça-feira (20). As precipitações devem ocorrer em forma de pancadas com intensidade moderada até a quarta-feira (21) por conta da passagem de uma frente fria.

Segundo o meteorologista da Somar, Celso Oliveira, os níveis dos reservatórios são considerados suficientes para passar pelo período seco, até o final do inverno. “Além disso, as chuvas devem ficar dentro ou até mesmo acima da média durante a estação, o que auxilia na manutenção do nível dos mananciais”, afirma Oliveira.

Últimas notícias

Buscar notícias