Jornal do Tempo | Notícias

Chuva forte volta no Centro-Oeste

Acumulados devem ser elevados entre leste de Mato Grosso do Sul e centro-sul de Goiás

10/01/2017 11:17:00

Por: Ana Clara Guerra

A nebulosidade aumentou a partir da tarde desta segunda-feira (09) sobre algumas áreas do Centro-Oeste do país, por conta de instabilidades que se formaram entre o Paraná, São Paulo e Mato Grosso do Sul. A cidade sul-mato-grossense Ribas do Rio Pardo teve registro de chuva forte, que causou desmoronamentos, alagamentos, inundações em casas e até o transbordamento do córrego Lagoa.

De acordo com a Somar Meteorologia, a chuva deve retornar aos poucos sobre a região Centro-Oeste do país ao longo desta semana, com acumulados mais elevados especialmente na faixa leste de Mato Grosso do Sul.

“A precipitação ganha força a partir de quinta-feira (12) por conta da passagem de uma frente fria e a formação de uma área de baixa pressão entre a costa dos Estados paranaense e paulista, que ajudam a organizar a umidade da Amazônia. Os maiores acumulados se concentram no leste de Mato Grosso do Sul e centro-sul de Goiás, podendo passar dos 100mm até o fim de semana”, comenta a meteorologista Fabiene Casamento.

Em relação às temperaturas, a chuva até ajuda amenizar o calor sobre estas áreas, mas o tempo quente em boa parte da região tem feito com que a umidade evapore rapidamente. Só para se ter uma ideia, o município Porto Murtinho, no oeste de Mato Grosso do Sul, registrou máxima de 39,6ºC na segunda-feira e a expectativa é de que os termômetros continuem com máximas próximas aos 40ºC no oeste do Estado e aos 36ºC no sul e leste de Mato Grosso.


Últimas notícias

Buscar notícias