Jornal do Tempo | Notícias

Rio Madeira tem a maior cheia da história e Acre e Rondônia podem enfrentar problemas com desabastecimento

17/02/2014 17:19:00

Por: Rafaela Vendramini

As chuvas intensas na região Norte provocaram a cheia do Rio Madeira, que nesta segunda-feira atingiu uma marca histórica em Porto Velho-RO. O rio está com o maior nível da história, com 17,66 metros, batendo o recorde anterior de 17,52 metros observados em 1997. Nas últimas 12 horas o rio subiu 16 centímetros. Na capital de Rondônia cerca de 1.000 famílias estão desalojadas ou desabrigadas. No Estado, quatro cidades decretaram situação de emergência, são elas: Porto Velho-RO, Santa Luzia-RO, Guajará-Mirim-RO e Rolim de Moura-RO. As Forças Armadas já estão em Rondônia para ajudar as pessoas atingidas pelas chuvas fortes. Porto Velho-RO está com enchente nível 1, numa escala que vai até 3. A BR-425 está interditada na altura dos municípios de Guajará-Mirim-RO e Nova Mamoré-RO, por causa da cheia do Rio Mamoré. As duas cidades estão em risco de ficarem sem água e combustível. Aliás, a cheia do Rio Madeira já afeta também o Acre, que sofre com o risco de desabastecimento. Com o rio mais cheio a navegação está perigosa e o comércio poderá ficar sem produtos nos próximos 20 dias, caso a vazão não baixe. A grande preocupação do Governo Estadual é com a possível falta de alimentos e medicamentos. Também pode faltar combustível para as cidades acrianas, já que o transporte de gasolina, álcool e diesel é feito através de uma balsa entre Rondônia e o Acre. Essa balsa não consegue atracar. Além dos problemas causados pela cheia do Rio Madeira, em Rondônia, o Acre enfrenta também a cheia do Rio Acre, que está com 14,31 centímetros na medição feita nesta segunda-feira. Esse valor é 30 centímetros acima da cota de transbordamento. Em Rio Branco-AC cerca de 110 famílias estão desabrigadas por causa das inundações. [*BPrevisãoB*] A estação chuvosa no Norte do país vai de dezembro a maio, por isso é comum que os acumulados fiquem altos nos Estados da região nesta época do ano. Na terça-feira a chuva mais intensa ficará concentrada sobre o Pará. Também chove forte no Tocantins, já nos outros Estados, estão previstas pancadas isoladas e com acumulados baixos de chuva. Nesta quarta-feira, a previsão é de pancada de chuva durante a tarde, ou seja, condições típicas de Verão para o Acre e Rondônia. A situação das cheias dos rios pode piorar, já que a previsão indica um alto acumulado de chuva para os próximos 15 dias. Nesse período deve chover cerca de 100mm em Rio Branco-AC e em Porto Velho-RO o volume de água pode alcançar os 140mm nas próximas duas semanas.

Últimas notícias

Buscar notícias