Jornal do Tempo | Notícias

Temporais ainda atingem a Bahia e Minas Gerais e as chuvas fortes continuam hoje

Em apenas 24 horas a chuva acumulou mais da metade do esperado para o mês inteiro no estado Baiano

17/12/2013 08:08:00

Por: Aline Cardoso

O tempo segue com tempo instável e temporais isolados sobre o centro-norte do Brasil, por conta da Zona de Convergência do Atlântico Sul (ZCAS). A ZCAS é formada por 3 instabilidades: Alta da Bolívia, Vórtice Ciclônico do Nordeste e a frente fria. Este fenômeno é o sistema meteorológico mais chuvoso do Brasil. A Bahia e Minas Gerais foram os Estados que receberam maiores volumes de chuvas nesta última madrugada, com 51,0mm em Iracê-BA (70% da média), 93,0mm em Ibotirama-BA (61% da média), 49,4mm em Barra-BA (60% da média), 45,6mm em Remanso-BA (47% da média) e 53,8mm em Brumado-BA (37% da média). No norte de Minas Gerais é a área mais atingida pelas chuvas intensas, segundo o Inmet,a chuva acumulou 70,0 mm em Pirapora-MG (25% da média) e 70,2mm em Unai-MG (22% da média). Por outro lado, o tempo seco toma conta do Sul do país e deixou o interior do Estado gaúcho em estado de alerta e atenção na tarde de ontem, com umidade mínima de 14% em São Luiz Gonzaga-RS e em Santa Rosa-RS, 17% em Cruz Alta-RS e 17% em São Gabriel-RS, 19% em Dom Pedrito-RS e 19% em Passo Fundo-RS, 21% em Santana do Livramento-RS. [*BPrevisãoB*] [*BB*] A previsão é de chuva intensa e com elevado acumulado sobre o o norte do Mato Grosso, norte de Goiás, sul do Tocantins, cento-sul da Bahia, norte de Minas Gerais e Espírito Santo. De acordo com a previsão da Somar Meteorologia, o volume de chuva pode ultrapassar os 300mm em algumas localidades nos próximos cinco dias. Toda esta chuva é devido a atuação da Zona de Convergência do Atlântico Sul (ZCAS). Além disso, ainda chove moderado em no centro-sul de Minas Gerais, Rio de Janeiro,sul do Pará e sudeste do Amazonas, onde os acumulados podem chegar aos 100mm. Por outro lado, a Região Sul, São Paulo, metade sul do Mato Grosso do Sul e a costa nordestina passarão por um período de tempo seco, com chuvas isoladas e calor. “Por fim, também vale destacar que outro sistema chuvoso está voltando para o Brasil. Trata-se da Zona de Convergência Intertropical (ZCIT) que trará precipitação intensa pra costa do Amapá até o dia 21 de dezembro” - comenta o meteorologista Celso Oliveira.

Últimas notícias

Buscar notícias