NOTÍCIAS

VÍDEOS

Satélite

(SATÉLITE) As imagens de satélite e radares meteorológicos mostram muita chuva com intensa atividade elétrica no centro-sul do Rio Grande do Sul nesta manhã de quarta-feira (16). Um sistema de alta pressão no Oceano Atlântico sopra ventos úmidos deixando o céu nublado com pancadas isoladas entre os litorais dos estados de Santa Catarina e Paraná. Também é possível observar áreas de instabilidades com pancadas de chuva e descargas elétricas nas regiões Centro-Oeste e Norte do Brasil associadas à Alta da Bolívia, que são instabilidades que redistribuem umidade e calor em níveis mais altos da atmosfera. Nas demais áreas, há condição de tempo firme, com poucas nuvens. Teve formação de nevoeiro no Acre nas primeiras horas desta quarta-feira.  (CHUVA FRACA NESTA MANHÃ NO LITORAL PAULISTA) Neste início de quarta-feira, chove fraco no litoral paulista, o que ajuda na baixa visibilidade na região da serra do mar. Nas últimas 12 horas choveu 26mm em Iguape, 24mm em Cananeia, 41mm em Juquiá, 11mm em Peruíbe e 9mm em Itanhaém e Cubatão. (DESTAQUE - CHUVA VOLUMOSA NESTA MANHÃ NO RIO GRANDE DO SUL) Áreas de instabilidade provocam muita chuva no Rio Grande do Sul nesta manhã de quinta-feira. De acordo com o Cemaden, em Santa Maria já choveu 75 mm entre a madrugada e manhã de hoje; Em Quaraí, na fronteira gaúcha com o Uruguai, foram 50mm entre a noite de ontem e manhã de hoje. Um sistema de baixa pressão atmosférica que atravessa o estado favorece estes temporais. Além de elevados acumulados, a chuva vem acompanhada por intensa atividade elétrica.  (DESTAQUE - DIA MAIS QUENTE DO ANO EM TAUÁ/CE) A cidade de Tauá no Ceará teve hoje o dia mais quente do ano. Com 37,9°C o recorde superou em 1 graus o valor anterior, que era de 36,9°C no dia 21 de setembro de 2019. (DESTAQUE - TERESINA E FORTALEZA COM CALOR ACIMA DA MÉDIA NOS ÚLTIMOS DIAS) As capitais do Piauí e Ceará estão há cinco dias consecutivos registrando temperatura máxima acima do esperado para o mês de outubro. A média das temperaturas máximas nas duas capitais entre o dia 11 e 15 está em torno de 1°C acima da média.  (DESTAQUE - CHUVA ACIMA DA MÉDIA EM IGUAPE/SP) O município de Iguape, localizado no litoral sul do estado de São Paulo, superou o acumulado de chuva para o mês de outubro. A estação automática do INMET registrou 107mm até às 21 horas desta terça-feira (15), somando o acumulado de 165,8mm de chuva entre o dia 1 de outubro até hoje (16). A média do município é de 139,2mm para o mês de outubro. (DESTAQUE - BAIXA UMIDADE RELATIVA DO AR EM GOIÂNIA E BRASÍLIA) Durante a tarde desta terça-feira (15), Goiânia e Brasília tiveram umidade relativa do ar abaixo dos 30%, considerado estado de atenção. De acordo com dados da estação automática do INMET, na capital de Goiás o índice de umidade relativa do ar atingiu mínimo 11% (estado de emergência), enquanto na capital do país foi observado índice mínimo de 13% (estado de alerta). (MAIORES ACUMULADOS DE CHUVA NO RS) Pelas estações do INMET, hoje: Caçapava do Sul: 23,4mm Camaquã: 4,4mm Canguçu: 6,2mm Dom Pedrito: 9,6mm Ibirubá: 1,6mm Jaguarão: 2,6mm Quaraí: 54,8mm Rio Pardo: 3,6mm Santa Maria: 35,4mm Santa Vitória dos Palmar (Barra do Chuí): 0,8mm Santiago: 5,6mm São Gabriel: 31,2mm São Vicente do Sul: 12,2mm Teutônia: 0,8mm Tupanciretã: 21,4mm Uruguaiana: 8,8mm